Tecnologia da Microsoft pode transformar o armazenamento de dados do futuro - CASTANHEIRAS NEWS - O SEU PORTAL DE NOTICIAS

Post Top Ad

ANUNCIE CONOSCO - (69) 98431 - 0154

Tecnologia da Microsoft pode transformar o armazenamento de dados do futuro

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

 


Tecnologia dos anos 60 e sensores ópticos utilizados em smartphones viabilizaram o funcionamento do sistema

As tecnologias relacionadas ao armazenamento de dados continuam evoluindo com o passar do tempo. Para o usuário comum, por exemplo, passar de um HD tradicional para um SSD já é o suficiente para melhorar o tempo de resposta ao acessar arquivos e abrir aplicativos.

A Microsoft, no entanto, já está alguns passos à frente. A gigante de software está desenvolvendo uma solução que promete aposentar o armazenamento em memória flash no futuro. O projeto batizado como 'Project HSD' trabalha com a possibilidade de armazenar dados utilizando holografia.

Pode até parecer algo fora do comum nos dias de hoje, mas esse tipo de tecnologia surgiu na década de 60. Segundo a Microsoft, o salto de qualidade dos sensores utilizados nas câmeras dos smartphones, pode ser um fator crucial para que o novo padrão de armazenamento se torne uma solução viável.


Como funciona?

Um cristal óptico fica responsável por ler e armazenar as informações. Para apagar dados e liberar espaço, o sistema utiliza uma luz ultravioleta. Diferente do armazenamento em flash, utilizado em pen drives e SSDs, a solução da Microsoft não possui limitações relacionadas a leitura e escrita de dados.



Conjunto de sensores e cristal óptico funcionam em conjunto para ler e armazenar dados. Imagem: Microsoft Research Cambridge/Reprodução

A desvantagem, pelo menos por enquanto, fica por conta da necessidade de utilizar um complexo conjunto de lentes e sensores para que tudo funcione. Porém, os pesquisadores da Microsoft garantem que o objetivo é tornar tudo mais simples no futuro. A ideia é adaptar a forma como o sistema funciona para torná-lo compatível com sensores ópticos mais simples.

Para mostrar a capacidade da sua criação, a empresa de Redmond salvou todo o conteúdo de uma cópia do filme 'Superman' em um cubo de vidro. Segundo a empresa, algo mais prático e durável do que uma mídia física tradicional.

Por enquanto, o projeto ainda dá seus primeiros passos, mas levando em conta a capacidade do sistema, se trata de algo que pode revolucionar o gerenciamento de dados no futuro. Com a alta demanda por capacidade de armazenamento na nuvem, por exemplo, uma tecnologia como essa pode ser essencial nos próximos anos para data centers e diferentes nichos de mercado.

Fonte: Engadget



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANUNCIE CONOSCO - (69) 98431 - 0154
loading...