Sesau não descarta isolamento obrigatório em Rondônia; casos de Coronavírus são quase mil - CASTANHEIRAS NEWS - O SEU PORTAL DE NOTICIAS

Post Top Ad

ANUNCIE CONOSCO - (69) 98431 - 0154

Sesau não descarta isolamento obrigatório em Rondônia; casos de Coronavírus são quase mil

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Sesau não descarta isolamento obrigatório em Rondônia; casos de Coronavírus são quase milSesau não descarta isolamento obrigatório em Rondônia; casos de Coronavírus são quase mil

O número de mortos por Coronavírus em Rondônia chegou a 33, segundo informou o secretário de Estado da Saúde, Fernando Máximo, durante coletiva realizada na tarde desta quarta-feira (6). Ele informou ainda que o Governo estuda a possibilidade de adotar o isolamento obrigatório, o chamado lockdown, por conta do avanço da doença.

Segundo a Sesau, as três mortes confirmadas nesta quarta-feira são todas de Porto Velho. São duas mulheres de 72 e 93 anos e um homem de 59 anos.
De acordo com o secretário, foram confirmados 943 casos de Coronavírus em todo o Estado. No total, 241 pacientes foram curados.

Ainda de acordo com o boletim informado pelo secretário, 94 pacientes estão internados, sendo 36 em UTI, 58 em enfermarias. No Lacen, 3.894 exames já foram realizados até o momento. outras 154 amostras chegaram nesta quarta-feira e estão sendo analisadas.

O secretário informou que 595 servidores da saúde do Hospital João Paulo e Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro, estão afastados de suas funções. O número de profissionais infectados chegou a 233.

Lockdown


O secretário disse essa não é uma possibilidade descartada, já que número de casos confirmados está aumentando e há muito desrespeito às regras de isolamento social definidas pelo Governo. “Existe a possibilidade de começarmos restringir mais coisas. Estamos analisando tudo isso porque os casos estão aumentando e isso nos faz pensar em várias possibilidades e uma delas é o Lockdown. Nós continuamos pedindo ajuda da população referente aos cuidados básicos de higiene pessoal”, esclareceu Fernando Máximo.

Centro Materno Infantil Regina Pacis


Conforme anunciado pelo RONDONIAGORA, o Governo está negociando o Centro Materno Infantil Regina Pacis através de um processo de dispensa de licitação no valor de R$ 12 milhões. 

Questionado, Fernando Máximo disse que o processo ainda está em fase de finalização. “Nós não finalizamos ainda, e vamos falar sobre o assunto assim que finalizamos, informando sobre a transação e dando dados completos sobre tudo”, disse o secretário.

Prontocordis


Apesar do impasse na assinatura do contrato com o Hospital Prontocordis, Fernando Máximo disse que a contratação inda está em tratativa. “Não conseguimos concretizar, mas continua a possibilidade de contração”, informou.

Testes rápidos


No dia 7 de abril deste ano, o secretário anunciou a compra de 100 mil testes rápidos para serem distribuídos para todos os municípios. Inicialmente, os kits chegariam no dia 12 de abril, mas a empresa contratada deu vários prazos e até o momento os testes não chegaram. “Infelizmente é um problema que ocorre no mundo inteiro relacionado a Covid-19, desde de ventiladores, insumos e máscaras. As empresas estão com dificuldade de produzir e entregar. 

A empresa contratada alega que está com dificuldade de produzir grande quantidade e dificuldade de logística. Eles também alegam dificuldades nos voos, que estão escassos. Esses são os argumentos que eles nos passam sempre”, finalizou Fernando Máximo.


Boletim


Veja os dados divulgados sobre Coronavírus em boletim da Agevisa.

Confirmados por municípios


Os 943 casos confirmados para Covid-19 são nas seguintes localidades:

710 em Porto Velho;
95 em Ariquemes;
39 em Ji-Paraná;
18 em Urupá;
13 em Jaru;
10 em Ouro Preto do Oeste;
07 em Guajará-Mirim;
06 em Vilhena;
07 em Rolim de Moura;
05 em Candeias do Jamari;
04 em Alto Alegre dos Parecis;
04 em Governador Jorge Teixeira;
03 em Buritis;
03 em Cacoal;
02 em Alto Paraíso;
02 em Espigão do Oeste;
02 em Mirante da Serra;
02 em Nova Brasilândia do Oeste;
01 em Alta Floresta;
01 em Alvorada do Oeste
01 em Campo Novo;
01 em Cujubim;
01 em Itapuã do Oeste;
01 em Machadinho do Oeste
01 em Monte Negro
01 em Novo Horizonte do Oeste;
01 em Pimenta Bueno;
01 em Primavera de Rondônia;
01 em Vale do Anari.

Nesta quarta-feira foram confirmados 83 novos casos de Covid-19 em Rondônia, destes 68 são em Porto Velho, sete em Ariquemes, dois em Nova Brasilândia do Oeste, um em Ji-Paraná, um em Rolim de Moura, um em Espigão do Oeste, um em Alvorada do Oeste, um em Machadinho do Oeste e um em Monte Negro.

Houve duplicação de casos no lançamento realizado pelo município de Mirante da Serra, que conta com dois casos confirmados, e não três como informado na edição 50 do Boletim Diário divulgado na terça-feira (5).

Óbitos por municípios


Os 33 óbitos por Covid-19 são nas seguintes localidades:

Porto Velho – 24
Guajará-Mirim – 03
Ji-Paraná – 03
Campo Novo – 01
Cujubim – 01
Rolim de Moura – 01

O óbito que voltou ao sistema na edição de ontem ocorreu em Porto Velho, tendo assim o município registrado três óbitos no dia, o que elevou o número de óbitos para 20, e mais um de retorno, totalizando ontem 21 óbitos.


Internados por municípios


Dos 58 pacientes internados confirmados, são 55 de Porto Velho, onde 17 estão no Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron), outros 17 no na Unidade de Assistência Médica Intensiva 24 horas (AMI 24h), 15 no Hospital Santa Marcelina e seis no Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro. Há, também, mais três pacientes internado no Hospital Regional de Cacoal.

Dos 36 pacientes internados com suspeita de Covid-19, 34 são de Porto Velho, sendo que 17 estão no Cemetron, 13 no Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro, um no Hospital e Pronto Socorro João Paulo II, mais um na AMI 24h e duas crianças no Hospital Infantil Cosme e Damião. Há, também, um paciente internado no Hospital Regional de Cacoal e outro no Hospital Regional de Buritis.

UTI


Em Rondônia, há 36 pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI); 10 com suspeita de Covid-19 e 26 confirmados.

FONTE : DA REDAÇÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANUNCIE CONOSCO - (69) 98431 - 0154
loading...