Em Rolim de Moura, 745 kg de maconha apreendida na zona rural é incinerada - CASTANHEIRAS NEWS , O SEU PORTAL DE NOTICIAS

+ NOTICIAS

Post Top Ad

DIVULGUE CONOSCO - castanheirasnewsoficial@gmail.com

Post Top Ad

DIVULGUE CONOSCO - (69) 98431-0154

sábado, 30 de março de 2019

Em Rolim de Moura, 745 kg de maconha apreendida na zona rural é incinerada


Policiais Civis e Militares incineraram na tarde desta sexta-feira, 29, os 745 kg de maconha apreendidas durante o período da manhã em uma Operação entre a PM e PC na zona rural de Rolim de Moura.
A incineração ocorreu em um forno de uma Cerâmica, localizada na linha 180, na zona rural.
Para a incineração, um laudo pericial foi confeccionado pelos peritos locais, e após encaminhado para a Juíza da Comarca de Rolim de Moura, onde após analise autorizou a destruição da droga através de incineração.
Todo o trabalho de incineração foi coordenado pelo delegado, Dr. Daniel.
Entenda como ocorreu a apreensão da droga:
A Operação Policial que terminou na apreensão de 745 Kg de maconha e um casal de suspeitos foi realizada nas primeiras horas desta sexta-feira, 29, em um travessão que dá acesso entre as linhas 196 e 200, lado norte.
De acordo com o Delegado Regional de Polícia Civil, Dr. Alexandre Baccarini e o Comandante da Polícia Militar, Capitão Thiago Campos, toda a operação teve início após denúncias de populares, onde uma investigação se desencadeou e o Mandado de Busca e Apreensão autorizado pela Juíza da Comarca de Rolim de Moura.
No local, foi localizado um casal, e a cerca de 500 metros de distância da casa, a droga embalada no formato de Tablets, que estava armazenada embaixo de uma lona de cor preta. Um revólver Calibre .38 e 11 munições, sendo 8 intacta e 5 deflagrada além uma balança de precisão, foram apreendidos na residência.
“Acreditamos que ali era um entreposto, onde as drogas eram distribuídas para outras cidades”, ressalta o Delegado Alexandre Baccarini.
O Capitão Thiago Campos parabenizou todo o trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil e os Peritos que participaram de toda a ação durante e depois da operação, e destacou que as investigações ainda não terminaram e que novidades poderão ainda vir.
O Delegado Baccarini frisou a importância das denúncias anônimas da comunidade, que nesta operação foi primordial para que o trabalho fosse logrado com êxito.

Fonte: Rolim Notícias - Studio Max Tv - Cleiton Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

DIVULGUE CONOSCO - (69) 98431-0154